Existe algum risco em ser hipnotizado(a)?


Não existem riscos em ser hipnotizado. A hipnose é apenas uma ferramenta de introspecção, que te ajuda a entender melhor o seu próprio mundo interno. Durante a hipnose, você estará o tempo todo no controle da sua mente, em um estado natural da consciência. Portanto, não existe nenhum risco em passar pelo processo.




Para quem é indicada a hipnoterapia?


A hipnoterapia é indicada para qualquer pessoa que deseja melhoras em quadros emocionais, comportamentais ou psicossomáticos, como estresse, depressão, transtornos de ansiedade, timidez, procrastinação, compulsão alimentar, dores crônicas, disfunções sexuais, entre outras queixas comuns.




Há alguma garantia de cura?


De acordo com os artigos 283 e 284 do código penal brasileiro, prometer cura por meio infalível é considerado crime. Isso é porque todo processo de psicoterapia envolve subjetividade, e requer um grau de esforço do próprio paciente para que a melhora seja possível. O que posso dizer é que mais de 90% das pessoas que passam pelo meu consultório de hipnoterapia têm resultados excelentes: uma taxa de sucesso altíssima em comparação com outras abordagens.




Vou ficar inconsciente ou entrar em "transe"?


Definitivamente, não. Ninguém dorme ou fica inconsciente durante a hipnose. Embora alguns hipnólogos ainda usem o termo "transe" em seus processos, eu trabalho em uma perspectiva científica e sóciocognitiva da hipnose. Nessa perspectiva, a hipnose não envolve um estado mental alterado, portanto você estará, o tempo todo, em um estado natural da consciência. O máximo que poderá sentir é um relaxamento profundo, redução da atenção periférica e aumento da atenção no seu próprio mundo interno, além de outras sensações subjetivas geralmente prazerosas.




Hipnose tem algo a ver com religião ou espiritualidade?


Não, a hipnose é uma ferramenta científica, com inúmeras publicações ao redor do mundo sobre seus mecanismos e sua eficácia. Não existe nenhuma relação direta entre hipnose e religião ou espiritualidade. Durante a hipnoterapia, trabalharei dentro do sistema de crenças do paciente, sem introduzir nenhum viés religioso próprio.




A hipnose é comprovada cientificamente?


A hipnose é uma ferramenta reconhecida pelos conselhos federais de Medicina, Psicologia, Odontologia, Enfermagem, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, além de ser reconhecida pela OMS como uma ferramenta no tratamento de diversas doenças crônicas e psicopatologias. A quantidade e a qualidade dos artigos científicos publicados pelo mundo sobre hipnose são extremamente amplas, o que nos permite dizer que a hipnose é uma ferramenta muito bem pautada na ciência.




Qual a duração da sessão?


A primeira consulta possui duração de até 2 horas. As sessões seguintes podem variar quanto à duração, visto que trabalho em um processo de terapia sob medida. Portanto, cada caso é um caso. Já tive casos de sucesso com sessões de menos de uma hora e casos em que fiquei quase 6 horas seguidas com o paciente.




Posso levar acompanhante?


Os acompanhantes podem aguardar na sala de espera, porém a sessão é feita, sempre, de forma individual. Para a tranquilidade, conforto e segurança do paciente e do terapeuta, todas as sessões são gravadas do início ao fim. As informações da terapia são confidenciais e a gravação só poderá ser reproduzida a pedido do paciente ou em situação jurídica.